terça-feira, 9 de agosto de 2011

Estado entrega três unidades da Rede Farmácia de Minas para a região de Patos de Minas

O governador Antônio Anastasia e o secretário de Estado de Saúde, Antônio Jorge de Souza Marques, inauguraram, na última sexta-feira (05/08), em Belo Horizonte, 100 novas unidades da Rede Farmácia de Minas para os municípios selecionados com população entre 10 e 30 mil habitantes.

Os municípios Lagoa Formosa, Matutina e Tiros, pertencentes à Superintendência Regional de Saúde de Patos de Minas (SRS), foram contemplados com uma unidade cada, que vai garantir espaço de atendimento mais humanizado aos usuários do SUS, com dispensação gratuita de 154 medicamentos básicos para atenção primária, além de contar com profissionais farmacêuticos qualificados que vão acompanhar e promover o uso racional dos medicamentos. Com as inaugurações, a SRS passa a contar com oito unidades. Outros cinco municípios já possuem a farmácia: Arapuá, Guimarânia, Lagoa Grande, São Gonçalo do Abaeté e Vazante.

Cada uma das unidades recebeu do Tesouro Estadual um incentivo de até R$ 90 mil para implantação da unidade farmacêutica, sendo R$ 55 mil para a construção do prédio e R$ 35 mil para a montagem.

Além disso, são repassadas 13 parcelas mensais de R$ 1.200 para complementação salarial  do profissional farmacêutico responsável pela unidade. Além de farmacêutico, o profissional também é gestor do projeto e acompanha, desde a fundação da obra, até a montagem final dos equipamentos. Todas as farmácias possuem o Software SiGAF- Sistema Integrado de Gerenciamento da Assistência Farmacêutica, que  garante o gerenciamento o adequado controle dos medicamentos e cadastro dos pacientes atendidos pela Farmácia, bem como de toda a rede.

De acordo com o governador Antonio Anastasia, esse é um programa muito interessante, pois, além da assistência à saúde, ou seja, atendimento médico, é muito importante que o cidadão possa receber o medicamento. "Isso se dá gratuitamente através desse sistema, o Farmácia de Minas. Hoje é uma inauguração virtual em 100 municípios mineiros. Até o final do nosso mandato queremos ter todo o Estado coberto. O objetivo é ter, além do acesso ao medicamento, orientação médica e orientação do farmacêutico. O paciente vai saber como tomar o remédio, quais são as condições, ou seja, vai ter um tratamento humanizado, acolhido, como se diz tecnicamente", disse o governador.

Com as inaugurações, o Estado conta com 207 unidades em funcionamento. Até o fim do ano, outras 100 unidades devem ser inauguradas. O objetivo é disponibilizar um total de 700 unidades até de 2014. Dessa forma, a Rede Farmácia de Minas alcançará a cobertura de mais de 80% dos municípios mineiros.

"Constituímos uma estratégia que é a estruturação de farmácias que tenham um arranjo arquitetônico que favorece à assistência farmacêutica, com acondicionamento dos medicamentos de forma adequada. É um investimento muito expressivo que tem dado um resultado muito interessante, com reconhecimento da população em relação à adequação das condições físicas", afirmou o secretário de Estado de Saúde, Antônio Jorge de Souza Marques.

Investimentos da Rede
Entre 2007 e 2011, foram investidos no programa, por meio da Secretaria de Saúde, R$ 70 milhões.

Para a estruturação do Programa Farmácia de Minas, o governo aumentou em 70% os gastos com medicamentos para atenção primária – R$ 56 milhões (2007) para R$ 96 milhões (2010). Para o componente especializado, saltou de R$ 209 milhões para R$ 400 milhões. Com isso, ampliou o elenco de medicamentos para atenção primária – 107 itens (2007) para 154 itens (2010); e de 155 itens para 195 (Componente Especializado Assistência Farmacêutica). 

Seminário Dia nacional da Farmácia
No dia do evento, aconteceu o III Seminário Rede Farmácia De Minas, cujo foco é dar ênfase à valorização do profissional farmacêutico. Foram apresentadas palestras e experiências exitosas de diversos municípios. Participaram do evento mais de 400 farmacêuticos de municípios já contemplados pelo Programa, farmacêuticos; superintendentes e diretores das Regionais de Saúde; prefeitos e secretários dos municípios a serem inaugurados neste bimestre.

100 Municípios beneficiadas
Aguanil – Alpinópolis - Alto Jequitibá - Amparo do Serra – Andrelândia - Angelândia - Araújos - Barão de Monte Alto - Barra Longa - Bias Fortes - Biquinhas - Bom Jesus da Penha – Bugre - Buritizeiro - Cachoeira da Prata - Cajuri - Campo Belo - Capitão Andrade - Capitólio - Carmo do Rio Claro - Casa Grande - Cedro do Abaeté - Chapada Gaúcha - Conceição do Pará - Confins - Coração de Jesus – Cruzília - Desterro de Entre Rios - Desterro do Melo - Divisa Nova - Dom Cavati - Dom Silvério - Dores do Indaiá – Doresópolis - Estrela do Sul – Eugenópolis - Francisco Badaró – Funilândia - Glaucilândia - Grupiara - Guarani – Guidoval – Ibiá - Indaiabira - Itambé do Mato Dentro – Itapeva - Itatiaiuçu - Itumirim - Japaraíba - Lagoa dos Patos - Lagoa Dourada - Lagoa Formosa – Lamim - Laranjal - Luz - Malacacheta - Matutina - Mendes Pimentel - Morada Nova de Minas - Nova Era - Paineiras - Patrocínio do Muriaé - Pedra do indaiá - Perdizes – Pocrane – Prados - Pratápolis - Presidente Bernardes - Quartel Geral - Rio Acima - Rio Pardo de Minas - Rodeiro - Romaria - Salto da Divisa - Santa Cruz do Escalvado - Santana de Cataguases - Santana do Manhuaçu - Santo Antônio do Amparo - Santo Antônio do Grama - São João Batista do Glória - São João Evangelista - São Joaquim de Bicas - São José do Jacuri - São Miguel do Anta - São Sebastião do Oeste - Sardoá - Senhora dos Remédios – Sericita - Serranópolis de Minas - Sobrália - Taiobeiras - Tiros - Três Marias – Tumiritinga – Turmalina - Umburatiba - Vargem Bonita – Veríssimo – Vieiras – Virgínia.
--
FarolComColetivo de Imprensa
rede web de informação e cultura

Seguidores